vem-despertar category image
9 de maio de 2019

O Compromisso – ou sobre janelas e portas

Vem despertar

Oi!

Ok. Aproveita que chegou aqui e leia esse post ao som de Casa da Floresta

Vai valer a pena.

Esse é o momento em que eu me desculpo pela ausência dos últimos meses e prometo não desaparecer mais.

Nós já sabemos que isso não funciona. Eu sei, você sabe. Sabemos todos que essa coisa de “vou cumprir tudo o que planejo tim-tim por tim-tim” nunca termina como planejado.

Só que eu gosto daqui. Gosto de vocês. Gosto de escrever. Gosto principalmente de escrever para vocês.

Na real, eu amo. Amo mesmo. Me faz um bem danado. Me deixa inspirada, leve e muito positiva acreditando que através dessa pequena janela de comunicação nós somos amigos e estamos de mãos dadas caminhando pela vida contando nossas vivências, nos permitindo compartilhar desse mesmo sentimento de liberdade e amor.

A escrita me permite conhecer outras pessoas.

Eu, que aos doze tentei fugir de casa. Que aos vinte quase fui morar em um convento. Que sempre fechei portas e janelas fingindo não estar do lado de dentro.

Eu. Que amo janelas. E portas.

Eu. Que sempre fugi das pessoas porque não sabia amar sem me fazer doer.

Então essa sou eu. Esse é o meu blog. Essas são as minhas palavras. E eu não quero mais fechar portas e janelas fingindo não estar desse lado, por medo.

Você está aqui para mim agora.

Eu estou aqui para você agora.

Não sei porque nossos caminhos se cruzaram, mas de uma coisa eu sei: nada é por acaso.

Acasos não existem. Precisamos juntos desse recomeço. Precisamos juntos desse acerto de contas. Precisamos juntos desse percurso que começa hoje. Agora.

Nesse momento.

Nos conhecemos?

Ora, talvez exista ainda muito sobre mim fechado atrás de algumas portas do passado.

O que eu sei é que quando me sento aqui e olho para essa tela, me sinto convidada a compartilhar com o mundo o meu viver, por isso a partir de hoje eu assumo um Compromisso comigo e com você de abrir portas e janelas diariamente e de nunca mais fingir que não estou aqui.

Estou aqui.
Agora.
E sempre.
Estamos.
Isso importa.

Gratidão por você existir.

Hari Om – que o amor desperte!
– eu sou Andreza Frasseto e eu amo você

  1. odraci martins disse:

    Boa tarde,

    Obrigada.

    BEIJOS
    oDRACI